• Fundação Cultural de Joinville

Comissão do Patrimônio Histórico Arqueológico, Artístico e Natural do Município de Joinville


A Comissão do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Natural do Município de Joinville (Comphaan), criada 1980 através da Lei nº 1.772, tem como função principal a gestão das políticas públicas municipais de preservação do patrimônio cultural da nossa cidade, articuladas com a legislação municipal, estadual e federal em vigor. É a instância competente para analisar e deliberar acerca das questões concernentes ao patrimônio cultural da municipalidade. Trata-se de órgão colegiado paritário composto por dezoito membros, sendo nove representantes da Administração Pública Municipal e nove representantes da sociedade civil organizada, sendo presidida e secretariada pela Fundação Cultural de Joinville. 

Compõem atualmente esta Comissão três membros natos e dois técnicos da Fundação Cultural de Joinville, representantes da Fundação de Promoção e Planejamento Turístico de Joinville (Promotur), da Fundação Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Joinville (IPPUJ), Fundação Municipal do Meio Ambienta (Fundema), Secretaria de Infraestrutura Urbana (Seinfra), Centro de Defesa dos Direitos Humanos (CDH Joinville), Centro de Engenheiros e Arquitetos de Joinville (CEAJ), Conselho Municipal de Política Cultural (CMPC), Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia (CREA-SC), Curso de Arquitetura da Sociedade Educacional de Joinville (Sociesc), Curso de História da Universidade da Região de Joinville (Univille), Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB-SC), Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-SC) e Sindicato da Indústria da Construção Civil de Joinville (Sinduscon).